Em novembro, IBGE prevê safra 14,2% maior para 2017

O segundo prognóstico para a safra de 2017 aponta uma produção de cereais, leguminosas e oleaginosas de 210,1 milhões de toneladas, 14,2% acima da safra de 2016. Este aumento deve-se às maiores produções previstas para todas as regiões: Norte (5,1%), Nordeste (53,9%), Sudeste (8,3%), Sul (5,4%), Centro-Oeste (20,1%).

Já a décima-primeira estimativa para a safra de 2016 totalizou 183,9 milhões de toneladas, com queda de 12,3% em relação a 2015 (209,7 milhões de toneladas). A área a ser colhida (57,2 milhões de hectares) é 0,8% menor que a do ano anterior.

O arroz, o milho e a soja, três principais produtos deste grupo, representam 92,4% da estimativa da produção e responderam 87,9% da área a ser colhida. Em relação ao ano anterior, houve acréscimo de 2,8% na área da soja e reduções de 1,5% na área do milho e de 10,1% na área de arroz. Quanto à produção em relação a 2015, as três avaliações foram negativas: -1,5% para a soja, -15,5% para o arroz e -25,5% para o milho.

Fonte: IBGE