Boi gordo: preços firmes e dificuldade na compra

Boi gordo: preços firmes e dificuldade na compra

Nas praças paulistas, as cotações mantiveram-se estáveis na última quarta-feira (24/3) na comparação diária, para todas as categorias destinadas ao abate. Porém, a dificuldade na composição das programações de abate, que atendem de 3 a 4 dias no estado, persiste. 


Segundo levantamento da Scot Consultoria, o boi gordo que atende ao mercado interno foi negociado em R$312,00/@, preço bruto e a prazo. A vaca gorda e novilha gorda para abate ficaram cotadas em R$283,00/@ e R$301,00/@, nas mesmas condições, respectivamente.  


Animais que atendem ao mercado externo foram negociados em R$315,00/@, preço bruto e à vista.   


Do lado vendedor, a expectativa é positiva. Com a virada do mês se aproximando a tendência é que a demanda por carne apresente alguma melhoria, dando sustentação ao mercado.

 

 

Fonte: Tem Boi na Linha de 24/3/2021.