100ª apresentação do Projeto Coop Encena é celebrada em BH

Uma noite especial marcou a 100ª apresentação do Coop Encena - projeto teatral criado há 12 anos pelo Sistema Ocemg e realizado em parceria com as cooperativas mineiras para difundir as artes cênicas e levar muita alegria ao público.

A iniciativa aconteceu no tradicional Cine Theatro Brasil, localizado no centro de Belo Horizonte, no último dia 26 de setembro, e reuniu um público superior a 900 pessoas, entre elas dirigentes cooperativistas de Minas Gerais e de outros Estados, colaboradores e funcionários das cooperativas e do Sistema Ocemg, além autoridades do sistema cooperativista, como Márcio Lopes de Freitas, presidente da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB).

Os convidados se divertiram com a peça Acredite um Espírito Baixou em Mim estrelada pelos atores Ilvio Amaral e Maurício Canguçu, parceiros de cena há mais de 24 anos. O espetáculo conta a história de um homossexual assumido, inconformado com a própria morte, que foge do céu para viver novas experiências.

A interação com público marca registrada do grupo, foi constante e a plateia correspondeu ativamente aos estímulos da trupe. O ator Ilvio Amaral credita essa sintonia à popularidade da peça. "É uma montagem querida pelo público e ao mesmo tempo lida de forma descontraída com três assuntos complexos: a religião, a morte a homossexualidade".

Mesmo com anos de carreira, Ilvio conta que ficou nervoso antes da encenação. "Essa centésima apresentação, por incrível que pareça, foi a que me trouxe mais ansiedade. Em todas as cidades que passamos antes eu nunca tive essa sensação. Mas quando o espetáculo começou, a receptividade do público nos fez sentir em casa".

Para o ator Maurício Canguçu, parte do sucesso vem do caráter filantrópico da iniciativa que troca os ingressos por dois quilos de alimentos.  Até o momento, já foram doadas com o projeto mais de 100 toneladas de alimentos para 270 entidades em todo o Estado. "Esse projeto é cheio de boas energias em torno dele. Comemorar 100 apresentações em Belo Horizonte foi uma delícia porque nós somos daqui e projeto nasceu aqui, é como uma coroação", explicou.

Fã de Carteirinha, Douglas Mateus, da Unimed Aeromédica, já assistiu diversas vezes o espetáculo desde sua estreia. "Fico feliz em prestigiar mais uma vez esse projeto tão bonito, que une esse momento de descontração com a ajuda ao próximo", disse.

Para o presidente do Sistema Ocemg, Ronaldo Scucato é gratificante olhar para o teatro é vislumbrar tantas pessoas se divertindo com um projeto que ao longo destes 12 anos vem cumprindo com os princípios do cooperativismo. ?Mais que levar momentos de lazer para as cooperativas mineiras, o Coop Encena nos chama para a responsabilidade social, e nos faz refletir sobre a importância do bem-estar, fundamental para nutrir nossos ideais e sonhos?.


A apresentação surpreendeu tanto aqueles que já assistiram e principalmente aos que apreciaram a peça pela primeira vez, como é o caso de Múcio Carlos Vieira, funcionário do apoio Logístico do Sistema Ocemg. "Foi a primeira vez que fui ao teatro e achei muito legal, fiquei emocionado, pois participei do projeto como espectador e como funcionário do Sistema Ocemg. Nesse período de troca eu ajudei organizar os alimentos para serem entregues às instituições e saber que todas essas pessoas presentes no teatro contribuíram com quase uma tonelada de alimentos é muito gratificante. Foi bom ter sido convidado e poder levar a minha família e compartilhar com eles um pouco da empresa onde eu trabalho", declarou.

Andrea Sayar, gerente de capacitação do Sistema Ocemg, ressaltou o clima de comemoração da noite. ?Nós estamos com três celebrações aqui hoje: a centésima apresentação do projeto Coop Encena, 46 anos do Sistema Ocemg e 19 anos de Sescoop. É um presente trazer essa peça deliciosa para Belo Horizonte, tão querida pelo público, e em um espaço histórico como esse. É também uma oportunidade ímpar oferecer esse momento de descontração e cultura para uma plateia composta por pessoas do país inteiro".

Coop Encena

O Projeto Teatral do Sistema Ocemg, hoje chamado de Coop Encena, foi criado para difundir as artes cênicas e proporcionar muita emoção para cooperativistas, amigos e familiares em diversas cidades do Estado. A iniciativa leva apresentações teatrais itinerantes para todos os cantos de Minas Gerais e dissemina a solidariedade por meio da doação de alimentos não-perecíveis, que são arrecadados na troca de ingressos.

Os números do projeto ao longo desses 12 anos são impressionantes: a apresentação teatral já alegrou mais de 50 mil pessoas, em 100 cidades mineiras. Mais de 100 toneladas de alimentos já foram arrecadadas na troca pelos ingressos, beneficiando 270 entidades filantrópicas no Estado. A iniciativa se baseia em alguns dos princípios cooperativistas:  Educação, Formação e Informação e Interesse pela Comunidade.

 

 

Fonte: Ocemg